top of page

Como Preencher um Cheque Corretamente um Cheque Pré-Datado


Já é sabido que, cheque é um documento (título de crédito) que permite transferir dinheiro entre contas bancárias e/ou realizar pagamentos por meio da troca do mesmo por dinheiro em espécie ao apresentá-lo na agência bancária responsável pela impressão do título.

 

O cheque que originalmente foi criado para ser um meio de pagamento “a vista”, com o passar do tempo veio também ser muito utilizado como pagamento a prazo, ou até mesmo dado como garantia em diversas transações mercantis.


A utilização de cheques como forma de pagamentos futuro ficou tão comum, que os títulos utilizados nesta modalidade passaram a ser denominados de “cheque pré-datado”.


Portanto, “cheque pré-datado” é um cheque em que o emitente especifica uma data futura para ser descontado ou depositado pelo beneficiário, onde embora o beneficiário possa receber o cheque imediatamente, ele concorda em não o depositar até a data especificada.

 

Denota-se que, nos dias atuais com fulcro nas tradições comerciais de utilização dos cheques pré-datados em suas transações, já tornou-se entendimento do Superior Tribunal de Justiça por meio da sumula 370, que:


 Caracteriza dano moral a apresentação antecipada de cheque pré-datado.

 

Então, para garantir que tal data seja respeitada, veremos como preencher corretamente um cheque pré-datado.


1- Valor numérico a ser pago por meio do cheque;


2- Valor por extenso da quantia a ser paga por meio do cheque;


3- Nome de quem o emitente está pagando por meio do cheque (isto é, nome de quem irá receber a quantia a ser paga pelo título).;


4- Clausula a ordem: Este texto permite que a pessoa para quem você entregou o cheque repasse ou não o cheque para um terceiro. Então caso queria proibir a transmissão do cheque basta riscar tal texto;


5- Cidade de emissão do cheque;


6-  Data para pagamento do cheque;


7-  Assinatura do emitente;


8- Inserir dois risco na parte superior do cheque faz com que o mesmo só possa ser depositado em conta, isto e , impede que qualquer pessoa possa sacar os valores do título em dinheiro. (OBS: recomenda-se a utilização deste recurso para aumentar a segurança em caso de furto ou roubo do cheque)


9- Embora não seja obrigatório, recomendasse por tradição inserir em números garrafais (grandes), a data em que o cheque poderá/deverá ser levado ao banco para recebimento.

 

Caso tenha alguma dúvida, ou precise de ajuda jurídica para seu negócio, clique abaixo para falar com o SAC de nosso escritório, será um prazer inenarrável para nós poder auxilia-lo(a) .

Commentaires


bottom of page